Trespassados

Artes gráficas para espetáculo da Cia Quimera Dança de Sorocaba/SP, 2019. Projeto contemplado pelo Edital Proac, promovido pelo Governo do Estado de São Paulo.

Trespassados é um espetáculo-jogo de xadrez cujas peças-bailarinos têm suas jogadas dançadas em um mundo espelhado, onde real e virtual se confundem. O público é convidado a assistir as oito jogadas do peão na sua tentativa de promoção à rainha, sua travessia pelo tabuleiro onde a vida é sonho (mas quem está sonhando?).

As primeiras peças gráficas criadas foram os cartazes de divulgação das oficinas realizadas pela companhia de dança, procurando jogar com a ideia de perspectiva, espelhamento, real x virtual.

Acompanhando o processo de criação da companhia, procurei incorporar o clima lisérgico que compunha o espetáculo através dos movimentos da dança e da trilha sonora original composta.

As artes criadas anteriormente para as duas oficinas ministradas pela Cia passaram por um processo de distorção com o scanner para resultar nas três artes finais.

A proposta era de que os cartazes medindo 30x30cm seriam módulos que posicionados de forma alternada no espaço de apresentação fariam uma alusão ao tabuleiro de xadrez.

Abaixo estão alguns registros do espetáculo, por Camila Fontenele.

Dançarinos: Mimi Naoi, Anderson Nascimento e Isadora Araújo
Direção e coreografia: Mimi Naoi
Direção artística: Davi Araújo
Trilha sonora original: Natalie Mess
Figurinos: Luan Fernandes
Design e artes gráficas: Eliete Della Violla
Desenho de luz: Julio César Greghi
Produção e operação técnica: Luciano Leite